Postagens

2019-ncov e o largo anoitecer

Ao fim de fevereiro, antes da crise do corona vírus abater-se com todo fervor sobre a Itália, Agamben publicou um texto, L’invenzione di un’epidemia[1]/ A invenção de uma epidemia[1]/,no qual denuncia ferozmente as políticas de militarização do espaço público, do decreto da exceção total em um mundo em que nos acostumamos com a exceção permanente. A limitação… Continuar Lendo →

O Fracasso da Classe Trabalhadora

No ano que se seguiu imediatamente após a Segunda Guerra Mundial, 1946, Anton Panekoek em O Fracasso da Classe Trabalhadora, analisa a falha―porém pode-se dizer com mais certeza, o receio―da classe trabalhadora em organizar-se como força motriz revolucionária em oposição ao Nacional-socialismo na Alemanha, isto na primeira parte, onde ele apresenta a ideia principal do… Continuar Lendo →

De Onde Vêm as Ideias Corretas?

De Onde Vêm as Ideias Corretas?¹ Mao Tsé-Tung De onde vêm as idéias corretas? Caem do céu? Não. São inatas dos cérebros? Não. Só podem vir da prática social, dos três tipos de prática: a luta pela produção, a luta de classes e os experimentos científicos na sociedade. A existência é sócia do povo e… Continuar Lendo →

O Capitalismo como Religião

O Capitalismo como Religião¹ Walter Benjamin O capitalismo deve ser visto como uma religião, isto é, o capitalismo está essencialmente a serviço da resolução das mesmas preocupações, aflições e inquietações a que outrora as assim chamadas religiões quiseram oferecer resposta. A demonstração da estrutura religiosa do capitalismo, que não é só uma formação condicionada pela… Continuar Lendo →

Teorias do Fascismo Alemão

Walter Benjamin Retirado de: Magia e técnica, arte e política, editora Brasiliense, 2012. Tradução de Sérgio P Rouanet. Léon Daudet, filho de Alphonse, ele próprio um escritor importante, líder do Partido Monarquista francês, publicou certa vez em sua Action Française um relato sobre o Salão do Automóvel, cuja síntese, embora talvez não nessas palavras, era: “L’automobile… Continuar Lendo →

“Democracia” e Ditadura

Original em: https://www.marxists.org/archive/lenin/works/1918/dec/23.htm Por Vladimir Ilich Lênin Nesse pequeno texto, Lênin discute temas de muita relevância para a esquerda marxista brasileira, principalmente aquela que se prende aos aparatos democráticos da moribunda democracia brasileira Algumas pessoas do Estandarte Vermelho de Berlim e do Chamado (Weckruf) de Viena, órgão do Partido Comunista da Áustria Alemã, que chegaram… Continuar Lendo →

Teses Sobre o Conceito de História

Retirado de: Walter Benjamin – Obras escolhidas. Vol. 1. Magia e técnica, arte e política. Ensaios sobre literatura e história da cultura. Prefácio de Jeanne Marie Gagnebin. São Paulo: Brasiliense, 1987, p. 222-232. 1 Conhecemos a história de um autômato construído de tal modo que podia responder a cada lance de um jogador de xadrez… Continuar Lendo →

A “Invariância” Histórica do Marxismo

Tradução de Vitor Teiú. Durante o encontro do Partido Comunista Internacional em Milão, no ano de 1952, Amadeo Bordiga em 26 teses, explicou a “invariância” histórica do Marxismo, ao passo que explica a luta contra os setores modernizantes do Marxismo, considerados por ele piores que os ideólogos burgueses e Stalinistas, defendendo um caráter monolítico das… Continuar Lendo →

Sobre a Revolução Cultural

O texto que se segue é uma tradução de um artigo que foi publicado anonimamente na edição de novembro-dezembro de 1966 da revista Cahiers marxistes-léninistes. A revista foi fundada na parte final de 1964 por estudantes na seção da École Normale Supérieure da União dos Estudantes Comunistas (UEC), sua primeira edição aparecendo em dezembro de… Continuar Lendo →


Siga o Miséria da Razão!

Receba novos conteúdos na sua caixa de entrada.

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: